COMO FUNCIONA

Este blog foi criado num Domingo chuvoso daí www.domingoamigo.blogspot.com/!

Pensando em leitores que não se animam a manter um blog pessoalmente, e os bloggers, que desejosos de atingir outros leitores, além dos seus habituais, gostariam, vez por outra, de postar num blog COLETIVO, criamos a SOCIEDADE ANÔNIMA, onde você poderá postar, sempre que tiver vontade!

Para fazer parte dos AUTORES do blog basta escrever para: cimitan@terra.com.br, solicitando sua inclusão, como membro do SOCIEDADE ANÔNIMA. Mande seu nome, e endereço de e-mail, para ser registrado. Só não pode deixar de assinar seus posts! E será responsabilizado pelo seu conteúdo.

A gerência se reserva ao direito de excluir o participante cujo comportamento não for condizente com o do grupo.

23.2.13

Oscar: As Maiores Gafes na Noite da Entrega da Estatueta


Gafes todos cometemos alguma vez na vida, ou de vez enquanto toda hora. Afinal humanos somos. Mais a mãe das gafes é aquela cometida por pessoas públicas. Aquelas cometidas por celebridades então são as mais apreciadas. Se for na entrega do Oscar, vai ter sempre alguém do contra explodindo de rir se o coitado cometer algum errinho que seja. Para não cair em rotineiras gafes, vou logo avisando, não pode esquecer de agradecer ao roteirista e diretor, não pode esquecer também o envelope com o resultado da premiação, e principalmente, não pode levantar antes de seu nome ser chamado.



Selecionei algumas gafes registradas nos anais do Grande Livro Dourado das Celebridades, no capítulo Entrega do Oscar, alguns deslizes totalmente humanos.

  • Em 1931, o ator Jackie Cooper, na época com 10 anos, dormiu durante a cerimônia. Ele concorria ao Oscar de melhor ator por Skippy. Cansado, Cooper encostou a cabeça nos ombros de Marie Dressler, que teve que acordá-lo quando se levantou para receber o prêmio de melhor atriz.
  • Em 1940, porém, o Los Angeles Times publica a lista de vencedores em sua edição noturna, o que fez com que todos soubessem do resultado antes mesmo da cerimônia acontecer. A partir de então, a Academia adota o método dos envelopes selados que só podem ser abertos no momento da premiação.
  • Em 1944, Humphrey Bogart era um dos favoritos à estatueta de melhor ator por seu papel em Casablanca e se levantou para receber o prêmio segundos antes de anunciarem o verdadeiro vencedor: Paul Lukas. Percebendo o erro, parou em pé e começou a aplaudir, mesmo com todos os outros convidados sentados em suas cadeiras. 
  •   
  • Em 1952, Shelley Winters, que disputava o prêmio de melhor atriz por Um Lugar ao Sol, levantou e correu ao palco antes do apresentador Ronald Colman anunciar a vencedora. Ao perceber que a premiada era Vivien Leigh, por Uma Rua Chamada Pecado, Vittorio Gasman, marido de Shelley, tentou evitar o constrangimento e puxou o vestido da mulher, o que fez com que os dois caíssem no chão.
  • Frank Sinatra é o apresentador da cerimônia, mas chega atrasado e se esquece de colar o adesivo que permitiria a entrada no estacionamento do Santa Monica Civic Auditorium. Não reconhecido pelos seguranças, teve que deixar o veículo na rua e ir correndo até o local do evento. 1963
  • Meryl Streep deixa cair no chão o discurso que preparou para agradecer o prêmio de melhor atriz por 'A Escolha de Sofia', e tem que improvisar. 1983
  •   
  • Cher vence como melhor atriz pelo filme Feitiço da Lua. No discurso de agradecimento, cita seu maquiador e seu cabeleireiro, mas esquece completamente de agradecer o diretor e o roteirista do filme. Dias depois, pede desculpas públicas em um anúncio publicitário. 1988
  • A atriz Eileen Bowman sobe ao palco vestida de Branca de Neve e faz um dueto desafinado com Rob Lowe. Depois disso, a Disney processou a Academia por não pagar os direitos do uso de imagem da Branca de Neve. 1989 
  • Sharon Stone sobe ao palco sem o envelope com o resultado do prêmio que estava apresentando e teve que improvisar enquanto esperava que a equipe da Academia encontrasse o cobiçado papel. 1996




Fonte:


Nenhum comentário: