COMO FUNCIONA

Este blog foi criado num Domingo chuvoso daí www.domingoamigo.blogspot.com/!

Pensando em leitores que não se animam a manter um blog pessoalmente, e os bloggers, que desejosos de atingir outros leitores, além dos seus habituais, gostariam, vez por outra, de postar num blog COLETIVO, criamos a SOCIEDADE ANÔNIMA, onde você poderá postar, sempre que tiver vontade!

Para fazer parte dos AUTORES do blog basta escrever para: cimitan@terra.com.br, solicitando sua inclusão, como membro do SOCIEDADE ANÔNIMA. Mande seu nome, e endereço de e-mail, para ser registrado. Só não pode deixar de assinar seus posts! E será responsabilizado pelo seu conteúdo.

A gerência se reserva ao direito de excluir o participante cujo comportamento não for condizente com o do grupo.

2.8.12

Como Destruir Seu Negócio Em 3 Passos.

Quando as falhas acontecem elas dividem as pessoas em dois grupos – aqueles que as recebem como uma oportunidade de crescimento, e aquelas que as veem como um sinal de fraqueza. Em qualquer uma delas, não é fácil lidar com o fracasso. Temos que admitir – é frustrante falhar. Mesmo aprendendo com nossas falhas, elas continuam doendo.
Como empreendedor você deve esperar que falhas se tornem presenças frequentes na sua vida empresarial, mas isso não deve preocupá-lo, faz parte do processo. Acredite, algumas das suas maiores lições e sucessos virão de um resultado direto de seus maiores fracassos. Para aumentar suas chances de sucesso, espera-se que você não esteja cometendo uma das três coisas que garantem destruir seu negócio. Obviamente destruir seu negócio, não é seu objetivo.
Há muitas coisas que estão além do nosso controle, tais como as condições de mercado ou perder um grande cliente. Mas o que dizer sobre aquelas que podemos controlar? Essas nunca devem ser negligenciadas. Empreendedores na fase de expansão de seus negócios tentem a cometer três erros que reproduzo aqui como os mais comuns. E vai ajudá-lo a ter controle sobre os fatores importantes para a sobrevivência de seu empreendimento.
Veja a seguir os 3 passos que destroem qualquer negócio.
Passo 1 – Falta de Visão.
Ganhar dinheiro é colocado por alguns empreendedores como a visão. Mas ganhar dinheiro não é visão – é resultado. A visão é algo maior. É uma imagem clara dos princípios e objetivos que orientam seu negócio. Esta é a lente através da qual todas as suas decisões devem ser tomadas. Sem uma visão você vai se dedicar ao cotidiano – curto prazo, que é fazer dinheiro com as oportunidades que aparecem, ao invés de metas claras e duradouras – longo prazo.
Dica: É o que acontece em empresas recém-criadas quando precisam se estabelecer competitivamente no mercado, mas que não definiram antes onde querem chegar. Empresas sem visão têm dificuldades de tomar decisões estratégicas, como por exemplo: contratar pessoas. Não sabem fazer, e quando o fazem, fazem de maneira inadequada por que não foi definido antes, onde e como, estariam suas empresas no futuro, e com isso se precisam ou não contratar. Não existe visão orientadora, e sem visão orientadora, não há lugar para chegar, nem o meio por onde ir.
Passo 2 – Tentar agradar a todos.
Além de aceitar o fato de que o fracasso é parte do estilo de vida do empresário, também é uma boa ideia aceitar o fato de que é impossível agradar a todos. É desagradável dizer isso, mas você terá inimigos ao longo da jornada de empresário. Não importa o que você faça, suas decisões irão sempre deixar alguém infeliz. E quanto mais rápido você aceitar isso, melhor será. E mais fácil ficara para você pensar em grandes ideias que poderão mudar sua empresa de uma forma positiva.
Dica: Todo mundo que expressa o interesse em "trabalhar com você" ou "ajudá-lo" tem sua própria agenda em mente. Não há nenhuma maneira de você trabalhar com todos, então escolha suas relações de negócio com sabedoria. Agradar as todos é uma garantia infalível de fracasso.
Passo 3 – Usar o dinheiro para resolver todos seus problemas.
Alguém já disse que dinheiro não pode comprar felicidade, mas pode definitivamente resolver um monte de problemas. Não estou dizendo que sua empresa não tem problemas que só o dinheiro poderia resolver imediatamente. O que estou dizendo é que você deve ser seletivo sobre quais problemas escolher para resolver com o capital disponível. É muito fácil perder a criatividade e correr desesperado quando a lucratividade escorrer por debaixo da porta.
Não deixe que a preguiça e a falta de criatividade sejam desculpas para usar o dinheiro como remédio para todos os males de seu empreendimento. Você deve cultivar seus lado criativo e estar preparado: os problemas reais vão procurar por você. Então esteja pronto.
Sempre se pergunte: "Como posso resolver isso sem dinheiro?" Ou "Como posso resolver isso com tão pouco dinheiro quanto possível?".
Dica: Não tenha vergonha de fazer troca ou permuta de serviços ou coisa que seu empreendimento precisa. Provavelmente a troca entre parceiros, patrocinadores e incentivadores do seu negócio já foram alguma vez utilizadas por você – não tenha medo de usá-los novamente.
Lembre-se, o dinheiro deve ser sempre o último recurso quando se lida com problemas.
“Conhecer é metade da batalha”
Citando frase de GI Joe, lembro: o que se aplica como verdade no campo de batalha, também se aplica ao mercado – o conhecimento é apenas metade da batalha. A outra metade é o que você escolher fazer e o que você escolher não fazer.
Só lembrando:
1. Não deixe a visão ou a liderança do seu negócio para os outros. 

2. Não tente agradar a todas as pessoas. 

3. Use o dinheiro como um último recurso na resolução de problemas.

Nenhum comentário: