COMO FUNCIONA

Este blog foi criado num Domingo chuvoso daí www.domingoamigo.blogspot.com/!

Pensando em leitores que não se animam a manter um blog pessoalmente, e os bloggers, que desejosos de atingir outros leitores, além dos seus habituais, gostariam, vez por outra, de postar num blog COLETIVO, criamos a SOCIEDADE ANÔNIMA, onde você poderá postar, sempre que tiver vontade!

Para fazer parte dos AUTORES do blog basta escrever para: cimitan@terra.com.br, solicitando sua inclusão, como membro do SOCIEDADE ANÔNIMA. Mande seu nome, e endereço de e-mail, para ser registrado. Só não pode deixar de assinar seus posts! E será responsabilizado pelo seu conteúdo.

A gerência se reserva ao direito de excluir o participante cujo comportamento não for condizente com o do grupo.

22.3.11

A KASINHA DO RICARDÃO


Quando adolescente, isto pelos anos cinqüenta do século passado, outro da nossa turma tinha o mesmo nome que me deram ao me registrar. A solução que a turma encontrou para diferenciar um Ricardo do outro foi chamar o menor de Ricardinho e o grandão aqui de Ricardão. Claro que não preciso dizer que não tinha a conotação que tem hoje.

No quartel como tinha um Ricardo maior, o jeito foi passarem a me chamar de Blautão.

Velho/guri auto-aposentado, depois de três maravilhosos ateliers, acabei me radicando em Garopaba. Meu atelier é uma unidade separada da residência para ter liberdade de continuarfazer arte”. E onde também escrevo, cozinho, converso e recebo visitas. Quando chega é  natural que alguma delas tenha necessidade de....... você sabe.

Solução construí uma tradicional Kasinha como antigamente se fazia, afastada da casa, do atelier e – super importante- bem arejada para garantir  bons ares”.

É muito elogiada por quem tem a necessidade de usar. Estes acabam chamando os outros que os acompanham para ver. A Kasinha é um sucesso. Tem até uma coleção de revistas junto ao “tronopara os mais demorados. Estas tem  que ser repostas por novas de tempos em tempos, tal o sucesso que fazem. Deve ser por que na maioria dos lugares se Caras.

Porta de entrada não tem. Ali serve para lavar as mãos e se olhar no espelho. A porta interna é de vidro, que pintei é obvio, caso contrário não haveria a necessária privacidade. Mas esta porta fica trinta cm acima do chão e tem um metro e sessenta de altura. Claro que as pessoas vão ser educadas e não olhar por cima. Mesmo porque ao entrar se verá a ponta dos pés do eventual ocupante. Tudo bem pensado antes da construção.

Sobre o telhado, nas paredes externas e internas, mosaicos, cerâmicas, e esculturas de parede do hoje não mais Ricardão. Mas as filhas, genros, amigos de adolescência e outros que conhecem meu passado, passaram a chamar assim o local. Que fazer ! São os ônus do passado.

A Kasinha !  Quando você vier a Garopaba terá oportunidade de constatar isto tudo ao vivo.




RICARDO garopaba BLAUTH

5 comentários:

chica disse...

Que idéia legal,Ricardo!Deve ser legal! Da próxima vez vou lá conhecer...abraços,chica

Mariana Vargas disse...

Seja bem vindo.

Deusa disse...

Normalmente a curiosidade não me acompanha , mas dessa vez ela me beliscou , queria ver a foto da Kasinha ....rsrsrssr

Anne Lieri disse...

Ricardo,muito original a sua ideia!Uma Kasinha bem confortável!...rss...Bjs,

ricardo garopaba blauth disse...

ALO DEUSA

jurássico que sou.....rrsrsrsrsr......não sei postar as fotos junto com meus blogs....o Eduardo está me orientando...mas no email sei colocar...então se me remeteres o teu email lá colocarei as VÁRIAS FOTOS que tenho da JÁ FAMOSA KASINHA.....

ricardo garopaba
ricardo@blauth.com.br